Publicidade

Bancos digitais invadem o mercado e tiram clientes das tradicionais instituições

Os bancos digitais foram criados de olho no novo perfil dos clientes, que cansados das burocracias que os tradicionais bancos tinham, buscavam uma nova forma de gerenciar o seu dinheiro


Bancos digitais invadem o mercado e tiram clientes das tradicionais instituições
Publicidade

Você sabe porque os bancos digitais vem cada vez mais atraindo clientes, que cansados da forma tradicional, viram essa nova tecnologia mais praticidade e segurança para a sua rotina financeira? É isso que o Portal Economizando traz para você.

Antigamente, para que uma pessoa pudesse guardar o dinheiro era necessário abrir uma conta em um banco, que oferecia dentre os serviços um cartão de débito, cartão de crédito, cheque e saques ilimitados. Mas tudo vem mudando com a entrada dos bancos digitais no cenário nacional.

Os bancos digitais foram criados de olho no novo perfil dos clientes, que cansados das burocracias que os tradicionais bancos tinham, buscavam uma nova forma de gerenciar o seu dinheiro.

Publicidade

Com cada vez mais pessoas estão usando aplicativos instalados no celular para ter acesso a conta corrente, e quando as agências bancárias se tornaram obsoletas, Fintechs viram um mercado em expansão.

Assim, elas resolveram criar bancos digitais que pudesse oferecer serviços iguais ao bancos tradicionais sem a necessidade de uma agência física e passando bem longe de toda a burocracia para a abertura de conta que essas bancos pediam dos clientes.

Deixe de lado a burocracia e busque os bancos digitais

Para abrir uma conta corrente em um banco é preciso ir até uma agência bancária mais próxima, levar alguns documentos pessoais, comprovantes de residência e de renda e torcer para que o banco aprove a pessoa como cliente.

Publicidade

Já nos bancos digitais isso não acontece. A pessoa escolhe a melhor opção, como Nubank, Banco Inter, Banco Neon, Banco Next e outros, baixa o aplicativo, informa os dados solicitados sem sair de casa e aguarda a aprovação que chega por e-mail. Ou seja, antes mesmo de ser cliente de um banco digital a pessoa já sente a diferença das tradicionais instituições financeira.

Migração das contas correntes para bancos digitais

É devido a essas vantagens que muitos clientes estão migrando das contas correntes tradicionais para os bancos digitais. A Nubank, que tem cerca de 10 milhões de clientes no Brasil, registrou em 2019 um valor de R$ 400 milhões em investimento, de acordo com a própria empresa, mostrando o quanto a conta digital influência na rotina dos brasileiros e está tornando essas empresas grandiosas.

E esse interesse dos brasileiros pelos bancos digitais é tão visível que alguns bancos famosos resolveram abrir contas digitais também. É o caso do Bradesco que lançou sua própria conta digital, o Banco Next, que oferece todas as funções da instituição financeira, mas é controlada apenas pelo aplicativo sem os procedimentos que afastaram os clientes deste tipo de banco tradicionais.

Publicidade

Bancos digitais oferecem serviço diferenciado

Mas, será que somente o fato de não ter que pegar fila é o grande diferencial dos bancos digitais? Além de ser um sistema mais tecnológico, com as contas digitais os clientes têm a sua disposição:

Menores taxas comparas dos bancos comuns; Cartão de crédito sem anuidade; Recebimento de pagamento via boleto bancário; Transferências entre contas sem cobrança de taxas (isso vale somente para Banco Inter, Nubank, Neon. Já o Banco Next cobra transferência, sendo isente apenas o Bradesco);

Alguns bancos digitais servem como poupança, onde o dinheiro aplicado gera dinheiro todo o mês e Abertura de conta digital para negativados no Serasa/SPC. Ou seja, são tudo isso a chave para o crescimento das contas digitais no Brasil, com possibilidade de expansão ainda maior nos próximos anos.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade